11069881_1408337806141305_7075295452676428712_n

Concurso Inter Municipal de Ideias da Região de Leiria

A Comunidade Intermunicipal da Região de Leiria lançou em 2014/2015 a 2ª edição do projeto de capacitação de empreendedores e implementação do programa de empreendedorismo nas escolas secundárias e profissionais, o qual foi implementado e desenvolvido no terreno pela equipa da GesEntrepreneur.

Este projeto destina-se aos 10 municípios da área de atuação da CIMRL, tendo como público-alvo empreendedores locais e professores e alunos do ensino secundário e profissional.

Neste âmbito, no dia 20 de março decorreu o Concurso de Ideias Intermunicipal, etapa final do projeto Escolas Empreendedoras, que teve lugar na Biblioteca Municipal de Pombal. Os principais objetivos deste concurso assentam na motivação dos jovens para as práticas empreendedoras, na promoção do espírito de iniciativa e do dinamismo nos Concelhos envolvidos, no desenvolvimento de ideias que possam ser uma mais-valia para a Região de Leiria e ainda na criação de ideias de negócio inovadoras e exequíveis e que tenham em conta as necessidades do território.

Este Concurso Intermunicipal consistiu no momento de encerramento do programa do ano letivo 2014/2015 e reuniu os vencedores dos 10 Concursos de Ideias Municipais, realizados anteriormente em cada um dos 10 municípios envolvidos no projeto, que competiram entre si. Nos concursos municipais subiram ao palco 75 projetos apresentados por 179 alunos, dos quais 10 projetos correspondentes a 25 alunos passaram à final.

Os projetos presentes no Concurso Intermunicipal foram: Alvadrive; Óculos_al; UHEAt; Casconhos; Smart Fridge; URBAN BOX; SOS Urgências; Do Medronho aos Pedroguenses; Ecocharge; HELP BOX – caixa negra rodoviária. O júri do concurso foi constituído por Paula Gonçalves, Diretora Adjunta do Centro de Emprego de Leiria; Rui Pedrosa, Vice-Presidente do Instituto Politécnico de Leiria; Paulo Sobreiro, NERLEI; Jorge Abreu, Presidente da Câmara Municipal de Figueiró dos Vinhos e Álvaro Pereira, Presidente da Câmara Municipal da Marinha Grande; que avaliaram os projetos com base em critérios como a inovação da ideia e sua exequibilidade, qualidade de apresentação, desenvolvimento da ideia e impacto para o território da CIMRL.

Vencedores do Concurso
Vencedores do Concurso Municipal de Leiria

O grande vencedor desta 2ª edição foi o projeto “Urban Box”, da Escola Secundária Francisco Rodrigues Lobo, de Leiria. Esta ideia de negócio corresponde a uma peça de mobiliário urbano com cacifos, de modo a disponibilizar aos cidadãos uma forma de guardar os seus pertences e/ou bicicleta num sítio prático e seguro, por um determinado período de tempo.

O prémio atribuído à equipa, constituída pelos alunos Alexandre Tomás, Francisco Matias e Demien Carvalho do 11º ano, foi uma viagem “Missão Empreendedora a Lisboa” durante três dias com transporte e alojamento incluído para quatro pessoas – os três alunos mais um professor. Esta viagem engloba uma visita à Startup Lisboa – Comércio, à fundação Champalimaud, à DNA Cascais e ao Tagusparque e ainda a participação num programa cultural e de lazer.

Em 2º lugar ficou classificado o projeto “uHeat”, da Escola Secundária da Batalha, que consiste num objeto que permite aquecer qualquer líquido onde e quando quisermos. Este objeto é composto por duas partes distintas, uma descartável e outra reutilizável, que permite o aquecimento de líquidos instantaneamente. A ideia foi apresentada pelos alunos Bernardo Carapito, Bruno Ferreira e João Santiago, do 12º ano, que foram premiados com a viagem “Missão Empreendedora a S. João da Madeira”. O 3º lugar foi para o projeto “Casconhos”, um bombom de chocolate e castanhas, apresentado sob a forma de uma castanha. Esta foi uma ideia das alunas Rita Neves, Joana Vidal e Rodrigo Antunes, da Escolha EB 2,3 Bissaya Barreto, de Castanheira de Pera. O prémio atribuído foi um cheque prenda no valor de 100€ para cada aluno.

Todos os Participantes sobem a palco
Todos os Participantes sobem a palco

Por fim, foi ainda atribuída uma menção honrosa ao projeto “SOS Urgências”, da Escola Profissional e Artística da Marinha Grande, que consiste num dispositivo de alerta que possibilita uma triagem mais rigorosa nas urgências hospitalares. Este projeto foi levado a cabo pelos alunos Micael Morgado, Fábio Costa e Filipa Castro.

 

Globalmente o projeto superou todas as expectativas.

Na Fase 1 foram capacitados 140 empreendedores nas 10 ações de capacitação realizadas pelo território.

Na Fase 2, referente ao programa anual nas escolas secundárias e profissionais, estiveram envolvidos no projeto um total de 1500 alunos, 84 turmas, 60 professores e 21 escolas pertencentes à Região de Leiria, o que demonstra que o empreendedorismo jovem na região está de boa saúde!

O feedback generalizado dos intervenientes é muito positivo e todos começam já a pensar numa eventual 3ª edição a acontecer no próximo ano letivo! Certamente haverá mais novidades em breve. Fiquem atentos.

Untitled1

Escolas Empreendedoras – Concurso de Ideias

No âmbito do Projeto Escolas Empreendedoras promovido pelo Município de S. João da Untitled1Madeira decorrerá, no próximo dia 11 de abril, a 8ª edição da Final do Concurso de Ideias. A representar as escolas do município estarão 10 projetos a concurso, cujos alunos finalistas farão o Pitch das suas ideias. Nesta edição participam 400 alunos e 26 Professores de 7 Escolas do Concelho, tendo sido submetidas 34 ideias a Concurso.

Ao longo dos últimos 8 anos já participaram cerca de 4200 Alunos sendo que alguns dos que participaram já concluíram os seus estudos e encontram-se, atualmente, a trabalhar em start-ups do Concelho.

O Projeto de Educação em Empreendedorismo integra o Projeto Educativo Municipal de S. João da Madeira desde o ano letivo 2007/2008, tendo sido um dos primeiros Municípios em Portugal a promover o Empreendedorismo nas suas Escolas em parceria com a GesEntrepreneur.

Untitled

Smarthelmet_2

Projeto Smart Helmet investido no Shark Tank Portugal (SIC)

Smarthelmet_2

 

Orgulho em ver alunos e professores das Escolas serem reconhecidos pelas suas ideias e trabalho.

Muitas vezes nos perguntam por resultados dos nossos Projetos de Empreendedorismo nas Escolas. E apesar de estarmos a desenvolver competências e dos mesmos serem visíveis a longo prazo, muito nos orgulha que os alunos que têm contato com o empreendedorismo ainda no sistema escolar obrigatório, ganhem asas e que voem por eles mesmos.

Acreditamos que existem mais alunos como o Kelve, o Daniel e o Armando e professores como o Paulo Coimbra e a Ana Mota, que podem e devem ter a oportunidade de apresentar e defender as suas ideias, em iniciativas como o Shark Tank e outras iniciativas ligadas ao empreendedorismo.

Shark_TankPT

No ano passado, no âmbito do projeto Escolas Empreendedoras promovido pela Comunidade Intermunicipal de Viseu Dão Lafões, o projeto Smart Helmet, da Escola Profissional da Torredeita, concorreu ao Concurso Municipal de Ideias nas Escolas de Viseu. Não ganhou, mas felizmente alunos e professores não desistiram e continuaram a pensar que a sua ideia tinha tudo para poder seguir em frente.

Smart_helmet

Foi com admiração e orgulho que, Sábado, dia 28 de março, vimos o episódio do‪#‎SharkTankPortugal‬, na SIC e assistimos à preseverança e determinação a serem premiadas com a angariação de capital.

Parabéns aos Alunos, aos Professores que os apoiaram e à Escola!

Boa sorte para esta nova fase da vossa jornada empreendedora e que vossa história inspire ainda mais jovens a perseguir o seu sonho

Se não teve oportunidade de ver em direto, pode carregar no seguinte link:

http://sic.sapo.pt/Programas/shark-tank/videos/2015-03-29-Ou-aperta-o-capacete-ou-nao-anda-

EDP_imagem

Bootcamp – Partilha com Energia

EDP_imagemNo âmbito do projeto Partilha com Energia foi organizado, nas Instalações do Inatel da Costa de Caparica, um Bootcamp onde finalmente as equipas tiveram a oportunidade de se conhecerem pessoalmente. Foram dois dias cheios de atividades dinâmicas, onde houve espaço para novas amizades e muita diversão!

Professores e alunos de quatro territórios diferentes juntaram-se a esta aventura para apresentar os programas de intercâmbio elaborados pelos estudantes e para partilhar experiências e conhecimentos.

Sexta-feira o dia começou com uma pequena atividade para “quebrar o gelo”. Começaram por formar-se pequenos grupos compostos por alunos de regiões distintas de forma a promover o convívio entre todos. A formação destes grupos foi feita através de um jogo em que foi dado, a cada estudante, uma peça que fazia parte de uma imagem.

O objetivo era encontrar os colegas que tivessem as outras peças correspondentes para construir a imagem. Montadas as imagens e formados os grupos, a segunda parte do desafio consistiu na elaboração de um troféu com os materiais disponibilizados pela nossa equipa como, por exemplo, recortes de jornais e revistas, algodão, fita-cola etc… No primeiro lugar do pódio ficou o grupo “Os Rambos” que surpreenderam pela originalidade e criatividade do seu troféu. Parabéns aos vencedores!

Terminado o desafio e, já com muita fome, foi dado tempo aos alunos para almoçar e, posteriormente, para se reunirem nos seus grupos de trabalho e, deixando de lado as brincadeiras, aperfeiçoarem as apresentações dos seus projetos que estavam previstas para as 17 horas.

 

Bootcamp_EDP

 

Chegada a altura derradeira e com os nervos à flor da pele, todos os grupos das diferentes regiões tiveram 5 minutos para apresentar os seus projetos. Foi também nesta altura que ficaram estabelecidos os intercâmbios que iriam ser feitos. No final do quarto desafio as equipas à frente eram: Os Lusíadas de Constância com 108,5 pontos; os “Ohm Team” de Santo André com 110,8 e “As Wattinhas” de Tomar com 115 pontos.

Um pódio bastante renhido mas os grandes vencedores foram “As Wattinhas”! Assim, foi o grupo de Tomar quem teve a primazia de escolher a equipa com que gostava de fazer a “partilha” de programa e os “PotE” de Santo André, foram o grupo escolhido. Estas escolhas foram feitas com base na pontuação e nas datas/momentos escolhidos pelas diferentes equipas, 3ª e 4ª semana de maio e 2ª e 3ª semana de junho.

A segunda equipa a proceder à escolha foram os “Ohm Team” que elegeram o grupo “TemplarVolts” de Tomar para o intercâmbio. Os restantes emparelhamentos ficaram estabelecidos da seguinte forma: os Lusíadas de Constância com Tour & Sines de Sines; Sky Breakers de Constância com Pérola do Oceano de Sines; Lights On de Tomar com See the Sea de Santo André; e Les Ohm de Santo André com Pés no Rio de Constância.

Depois de jantar, o convívio continuou pela noite fora. Foi altura de descontrair e dar um “pezinho” de dança para relaxar depois de um dia cansativo e de muitas emoções.

Sábado o dia começou bem cedo! Já de “baterias recarregadas” e depois do pequeno-almoço iniciou-se mais uma manhã de atividades: As Olimpíadas Empreendedoras. Mais uma manhã que prometia ser cansativa e assim o foi, mas sempre com diversão e animação!

As olimpíadas foram constituídas por 18 estações onde, em cada uma, havia uma atividade diferente relacionada com o empreendedorismo e que testava diferentes competências dos estudantes, de forma divertida.
Existiam ainda, quatro estações móveis para cada equipa fazer quando quisesse e se quisesse, com o propósito de aumentar as suas pontuações.

Terminadas as Olimpíadas chegou a hora de almoço para repor calorias e aguardar os resultados da competição da manhã. O primeiro lugar pertenceu à equipa composta por três estudantes de Tomar, um de Constância, um de Santo André e um de Sines. As quatro regiões foram representadas na vitória, parabéns à equipa vencedora!

O Bootcamp chegou ao fim e ficaram novas amizades e bons momentos na memória dos alunos e professores. O sucesso desta iniciativa está mais do que à vista e, quando um dos alunos nos perguntou se havia possibilidade de alargar o evento até domingo, é que isso ficou claro para nós…
Obrigado a todos os alunos e professores que participaram no evento, que têm aceite os desafios propostos e que têm contribuído para o sucesso deste projeto piloto.

Que comecem rápido os intercâmbios e aguardamos, ansiosamente, pela Final Nacional do Projeto, a ocorrer no dia 29 de junho, no Museu da Eletricidade.