O desenvolvimento e promoção de educação para o empreendedorismo tem sido um dos principais objetivos políticos para a UE e os seus Estados-Membros mas a sua implementação prática continua a ser pouco expressiva no espaço europeu (Eurydice, 2016).

Merece, também, por isso especial destaque as iniciativas que os Municípios portugueses têm vindo a desenvolver e de que o projeto Escolas Empreendedoras de Oeiras é um excelente exemplo.

De facto na passada sexta feira tive oportunidade de participar no momento final desse projeto, que teve a duração de um ano letivo, envolveu a formação de mais de 25 professores, a participação de 500 alunos de 9 escolas secundarias e centenas de sessões em sala de aula.

Num auditório repleto de alunos, professores, diretores, responsáveis da Autarquia e membros da Comunidade em geral, foi possível observar as aprendizagens realizadas, o trabalho desenvolvido na conceção e comunicação de uma ideia de negócio e a interação entre alunos que até ao momento, na sua generalidade, não se conheciam.

Demonstrando assim que este tipo de competição final é apenas mais uma etapa na transmissão dos sentimentos de confiança, iniciativa, espírito empreendedor e autoestima que irá certamente contribuir para que, no futuro, apareçam um maior número de potenciais interessados na temática e processo empreendedor.

 

– por Francisco Banha, CEO da GesEntrepreneur

 

Escolas Empreendedoras de Oeiras

Escolas Empreendedoras de Oeiras